sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

A LUZ DA JUSTIÇA.


JUSTIÇA É LUZ DIVINA.

Essa semana foi muito especial para nosso blog. Não só por termos alcançado a marca dos 9000 acessos, nem pelo fato da nossa volta para a televisão estar próxima de acontecer, mas principalmente porque uma de nossas ações e denúncias, uma das primeiras que realizamos nesse trabalho, foi acatada pelo Ministério Público estadual e transformada em Inquérito administrativo. Vocês não imaginam a pressão que sofri para me silenciar perante a lavagem de dinheiro envolvendo a FEBAM (PMBM), o Clube do Recanto e o Barra Mansa Futebol Clube. Abri mão de freqüentar o clube que visitava quase que diariamente e me deliciava na piscina limpa e na sauna que reputo como a melhor do estado do Rio. Amigos também apaixonados pelo Clube e pelo Leão do Sul, me viram com outros olhos e guardaram mágoas sobre mim. Pessoas importantes da cidade passaram a tecer comentários perniciosos a meu respeito. E fui acusado de coibir o incentivo ao esporte. Logo eu, que vejo no esporte um dos caminhos mais importantes para a inclusão social e para o combate ao tráfico de drogas. Mas enfim, não me calei. Com o passar do tempo cheguei a temer que tinha sido em vão, mas essa semana fomos premiados com a notícia da abertura do inquérito. Mesmo possuidor de farto material que não dá margens a dúvida, já que tal matéria encontra-se nas mãos da justiça pretendo não fazer nenhum pré-julgamento, mas seria bom que o responsável pela liberação da verba fraudulenta seja ovbrigado a ressarci-la pois ele tirou dinheiro da merenda das escolas, dos salários dos professores, dos remédios nos postos de saúde para fazer uma politicagem esportiva que não se coadunava com os demais anos de seu mandato quando deixou a juventude e o esporte a mercê de total abandono.
Mas creio na justiça. E nossa mensagem de final e semana vai tendo-a como tema.

Joseph Jouber falava que A justiça sem força e a força sem justiça são duas grandes desgraças. Temos que busca-la, portanto, usando a força de nossa coragem e a ousadia de nossos depoimentos, custe o que custar. Temos que acreditar que os atos inconseqüentes e covardes têm preço para os infratores. Sem a crença na justiça, nossa sociedade e nossa vida cai em desespero e desesperança. Não se trata se sermos rigorosos demais e tornarmo-nos chatos radicais, mas Basadassare Castiglione nos deixou uma célebre lição: “Perdoando demasiadamente aos que cometem faltas, fazemos uma injustiça contra os que não as cometem”. E temos que zelar pelo homem de bem. Aquele que não comete falcatruas e respeita as regras da sociedade, aquele que não acha certo a cultura da prática da lei de Gerson e pretende levar vantagem em tudo. Esse homem é a quem pretendemos proteger, e queremos isso para que ele eduque os seus na mesma forma e esperança de conduta proba. Amigos, tudo tem sentido. E é a justiça que norteia o nosso rumo. O seu sofrimento, a sua alegria, o seu aprendizado, a sua luta, a sua esperança têm uma razão de ser. O aperfeiçoamento se efetua mediante sábias leis. Deus, acima de tudo, é justo e amoroso, e espera que você se afine com as Suas leis, e espera que os homens as retratem nos seus códigos de convivência social. Acreditar na justiça e no amor de Deus é viver em tranqüilidade e alegria, e foi essa crença que não me permitiu cair em desespero num infortúnio tremendo que vivi, e me permite estar aqui hoje gozando de saúde e liberdade para tentar defender os nossos interesses e as nossas afinidades.
Afinal, o que é justiça? Como se faz justiça? O que significa ser justo? Algumas versões traduzem o texto de hoje da seguinte forma: “Porque o Senhor é justo, e ama a justiça...” Em Jesus, o ser humano não adquire justiça; torna-se justo. Portanto crer na justiça é a mais profunda crença em Deus e na obra de seu filho mais ilustre, nosso irmão Jesus. Que Deus ilumine os homens que tem o poder de interpretá-la e abençoe os homens que tem o poder de se arrepender dos erros praticados e começar um novo rumo.
Viva a justiça. Viva Jesus.
Um bom final de semana, com muita paz no coração e muito amor na cama.
É justo, muito justo que você seja feliz.

QUEM DÁ TROTE É CAVALO.




NEM ANIMAL É TÃO ESTÚPIDO.

Começou o ano letivo nas faculdades do Brasil. E junto com esse começo, tivemos as tradicionais e absurdas sessões de trotes nos calouros. Não há nada que desabone mais uma classe universitária do que a manutenção dessa tradição imbecil. O que era para ser a marca da mudança de rumos na vida de um jovem, que sempre ansiosos, entram para um novo mundo propensos a progredirem na vida através do aprendizado de uma profissão douta, se mistura com o medo da suposta selvageria ou ridicularizações que serão vítimas. As próprias faculdades, na maioria, praticam uma inusitada tolerância com essas práticas neo-nazistas. Em alguns casos, como vimos em São Paulo e no sul do país, atos de violência foram praticados e deixarão seqüelas eternas. Até quando a sociedade vai aceitar esse festival de insanidades e barbaridades que são os trotes nos novos universitários? Já manifestei por diversas vezes que vejo a juventude como a nossa última esperança, visto que, eles ainda não foram contaminados com a corrupção que passou a fazer parte do cotidiano de nossas vidas, e podem nos redimir. Mas quando vejo esse festival de trotes bárbaros e inconsequentes promovidos por quem a gente espera que sejam a nata da sociedade e os líderes das futuras gerações, chego a ficar incrédulo que poderemos mudar alguma coisa em breve futuro. Quantos alunos já morreram dentro de universidades em SP, pegos em trotes pelos universitários veteranos e nada aconteceu até hoje com os culpados? Se é que chegaram a algum culpado. Essa mentalidade da prática do trote é similar ao caso da nossa anti-musa Geisy da Uniban, que foi achincolalhada por 700 alunos e expulsa da faculdade por colocar um vestido que é um longo perto dos trajes, quando existem, que as participantes do Big Brother nos mostram todos os dias nas salas de todas as casas do país. E ainda viram heróis na boca do Bial. Geisy pelo menos ganhou uma notoriedade que jamais teria e está tirando os seus dividendos por isso, mas as vítimas do trote permanecem no ostracismo, e alguns marcados psicologicamente pelo resto das vidas, pois muitos vêm de uma criação pudica, onde a timidez é a tônica de comportamento, e ao serem expostas ao ridículo, quando pensavam em mudar de ares e evoluir, se transformam em mentes perigosas que sabe se lá em que, pode retornar para a sociedade.

Pode parecer um tema banal e exagero de minha parte, mas é a minha visão:

O trote depõe contra a nossa juventude e quem o pratica é um ensaísta de criminoso potencial.

ENQUETE MUSICAL. RESULTADO.


MÚSICA.

Acabou mais uma enquete. Perguntamos aos nossos visitantes: QUEM É O CARA? QUAL O MELHOR SHOW MUSICAL DO SUL FLUMINENSE?

E o resultado foi o seguinte:

1. TONI MADEIRA E BANDA.
2. THE BROTHERS.
3. FIGURÓTICO E BANDA.
4. ALERTA GERAL.
5. GUERRA E SUA BANDA - JULINHO MARASSI E GUTEMBERG.
7. DITO E FEITO - GRAVIZERO
9. JORGE GUILHERME
10. MADAME ZERO
Casablanca não foi votado.
3% escolheriam outra opção não mencionada.

Bem apesar de acreditarmos na influencia de algum lobbye, visto que meu amigo Toni tem feito shows fora da região e poucos aqui, enquete em blog é assim mesmo, é torcida, é lobbye e participação de amigos.
Parabéns aos amigos Toni, Betinho (The Brothers) e Figurótico pelas primeiras colocações. Meu voto foi para Figurótico, Julinho Marassi e Gutemberg e Guerra e Sua Banda. Mas todos tem seus valores, apesar de particularmente eu achar um deles chato pra cacete. Mas deixa quieto. Só por ser artista musical numa região que não tem o hábito de incentivar os seus valores, todos merecem homenagens e congratulações.

IGREJA QUESTIONA ZÉ RENATO. TER OU SER?


REPRODUÇÃO DE MATÉRIA JORNALÍSTICA DO JORNAL AQUI.
Geral:
Campanha da Fraternidade 2010 aborda efeitos da economia na sociedadeEconomia e vida
Para D. João, a economia deve beneficiar a todos
Anualmente, a Igreja Católica lança a Campanha da Fraternidade para levar a população a refletir sobre sua realidade social, buscando soluções para garantir os direitos humanos. Este ano, a ação defende o tema ‘Economia e Vida’ através do lema ‘Vocês não podem servir a Deus e ao Dinheiro’, com o objetivo de colocar a economia – ou seja, a administração da casa - a serviço de todos, consolidando uma sociedade sem exclusão. Entretanto, o lançamento da campanha realizado na Cúria Diocesana na tarde de quarta, 17, foi marcado por críticas à economia regional, principalmente a de Barra Mansa, que teve sua população castigada devido às fortes chuvas.
No evento, o temporal de Barra Mansa que deixou o total de uma morte – Levy da Silva, 75, arrastado pela enchente - 600 pessoas desalojadas, 70 desabrigadas e um rastro de destruição nos bairros da periferia foi lembrado pelo padre Vicente, que não mediu esforços em demonstrar sua indignação com a atual administração barramansense. Ou melhor, com o governo do prefeito Zé Renato. “A palavra economia significa administração da casa. E como a prefeitura está administrando a sua casa?”, argumentou o líder religioso, completando seu raciocínio. “Ela arruma a varanda, a sala, a cozinha, enfim, a fachada da residência. Mas, não arruma os fundos dela. A periferia leste da cidade foi esquecida pelo prefeito”, profetizou.
Como todas as Campanhas da Fraternidade exigem que haja justiça social, empenho na superação da miséria e que a dignidade humana tenha atenção especial, padre Vicente enumerou os problemas que os bairros da periferia leste - como Nove de Abril, Boa Vista, Recanto do Sol, entre outros – têm enfrentado. “Não temos água, luz, o esgoto está a céu aberto, os ônibus são precários”, comentou, relatando o caso de exclusão. “O que se passa lá é que o poder da economia está sendo para poucos e muitos estão em condição precária, mesmo pagando impostos”, avaliou.
O religioso continuou a denunciar os defeitos do modelo econômico que visa apenas ao lucro, sem se importar com a desigualdade e miséria. “Têm pessoas que só servem ao dinheiro. Os prefeitos, vereadores estão vivendo do bom e do melhor, então para quê se preocupar com os outros?”, disparou padre Vicente, analisando que os políticos só se lembram dos mais necessitados em períodos eleitorais. “A periferia leste também nem soma tantos votos assim para eles, por isso é que talvez não se interessem tanto. A economia precisa ser dividida em Barra Mansa”, completou.
Tempo de reflexãoDe acordo com o bispo D. João Maria Messi, as campanhas são lançadas no período de Quaresma por um motivo simples: “é uma época de reflexão voltada para a palavra do Senhor e seus valores evangélicos, como bondade e perdão, numa visão de mudança”, argumentou. Este ano, segundo ele, a Igreja quer valorizar o ser humano, tendo como bem mais precioso sua existência. “Não queremos que a vida seja explorada. Quem faz isso com os seres humanos é o poder econômico. Nós não podemos servir a dois deuses. Não podemos servir a Deus e ao dinheiro ao mesmo tempo”, explicou o bispo.
Mesmo com as belas palavras, D. João fez questão de mostrar que possui o pé no chão. “A economia é fator fundamental em nossas vidas, não estamos excluindo o capital com esta campanha. Sem o dinheiro não podemos fazer nada”, admitiu o bispo, chamando a atenção para o sistema econômico que rege a população. “O grande problema é que esta forma de mercado é esmagadora. O neoliberalismo faz distinção, exclui. É uma teoria diabólica que não pode ser acolhida por pessoas de bem”, defendeu.
Ainda de acordo com o líder católico, todas as Campanhas da Fraternidade estão voltadas para a reeducação da sociedade. “Precisamos nos reeducar para respeitar o irmão ou irmã que está ao nosso lado. O aspecto social deve ser revisto, pois a violência está prevalecendo”, analisou D. João, acrescentando que a economia deve beneficiar a todos e não apenas a uma fatia da população. “A nossa cultura e atividade econômica agem na dimensão de exploração, deixando a pessoa humana em segundo plano”. E completou. “Há corrupção na economia. A administração dos bens está muito interesseira”, avalia.
A opinião divulgada por D. João é dividida por padre Bernardo. Segundo ele, o que impera atualmente na sociedade é a ganância e o consumismo. “O dinheiro é fetiche. Estamos despersonalizados pelo fetiche do dinheiro. O mais importante é consumir. Se você não compra não é ninguém”, argumentou o religioso, definindo que a sociedade está sendo massacrada pelos padrões. “Estamos na era da mesmice. Todo mundo faz o mesmo, todo mundo veste a mesma roupa. A mesmice é o grande defeito da sociedade”, disse o pároco, lançando uma reflexão para todos. “O ser humano deve ter autocontrole ao consumir. O que é mais importante: ter ou ser?”, finalizou.

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

FALTA DE EDUCAÇÃO. NOVA ENQUETE.


ATENÇÃO MAGISTÉRIO, PREPARAR, APONTAR, ......FOGO.

A educação em Barra Mansa transformou-se em caso de polícia. Pelas denuncias que recebemos no blog pelos profissionais de educação, nossas crianças estão sendo tratas sem o mínimo de respeito e dignidade e o futuro delas está seriamente ameaçado por conta disso. O desleixo e interesses “escusos” por trás de atos sem explicação, consciência ou coerência disciplinar, estão submetendo educadores e educandos a uma situação ímpar de desilusão.
Quem seria o maior responsável por esse drama?
Essa é a pergunta de nossa nova enquete.

QUEM SÃO OS MAIORES RESPONSÁVEIS PELO CAOS NA EDUCAÇÃO DE BARRA MANSA?

VOCÊ PODE ESCOLHER QUANTOS QUISER
(AFINAL NÃO CREMOS QUE TAMANHA VERGONHA TENHA UM SÓ RESPONSÁVEL).
Entre as opções que oferecemos estão:

EMILIANA CARVALHO (PRIMEIRA DAMA)
FELIPE CAMELO (EX-SECRETÁRIO)
INÊS PANDELÓ (EX-PREFEITA)
JOSÉ AMARAL DE OLIVEIRA (EX-SECRETÁRIO)
LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA (PRESIDENTE DA REPÚBLICA)
MARIA JOSÉ BRUNO (EX-SECRETÁRIA)
ROGÉRIO ROCHA COSTA (SUB-SECRETÁRIO)
ROOSEVELT BRASIL (EX-PREFEITO)
RUTINHA COUTINHO (VICE-PREFEITA)
SÉRGIO CABRAL FILHO (GOVERNADOR DO ESTADO)
VITÓRIA COUTINHO GALVÃO (SECRETÁRIA)
ZÉ RENATO (PREFEITO)
OUTRO.
Reflitam, votem, convidem os amigos a participar.
Precisamos identificar os criminosos que estão assassinando os sonhos de nossas crianças.

BIG BROTHER BARRA MANSA


O último paredão do big-brother foi recorde de participação popular. Para pegarmos uma caroninha no sucesso do programa, vamos fazer o nosso paredão tupiniquim.

NOVA ENQUETE:

QUEM VOCE GOSTARIA DE ELIMINAR NO PAREDÃO DO CENTRO ADMINISTRATIVO DA PREFEITURA DE BARRA MANSA?

ANDERSON BRASIL, MISTER M.
CARLOS MAGNO, SECRETÁRIO DE FAZENDA
CÉLIO SANCHES, SECRETÁRIO DE OBRAS.
EMILIANA CARVALHO, SECRETÁRIA DE AÇÃO SOCIAL.
FANUEL FARIA, SECRETÁRIO DE ADMINISTRAÇÃO.
HILTON NERI, SECRETÁRIO DE SAÚDE.
JOJÔ, O SECRETÁRIO DE ESPORTES.
JOSÉ MÁRCIO, SECRETÁRIO DE ORDEM PÚBLICA.
LEVY GAMA, SECRETÁRIO DE GOVERNO.
LUIZ AUGUSTO MURY, SECRETÁRIO DE CULTURA.
MARIO FROES, DIRETOR DO FUNDAMP.
RENINE OLIVEIRA, DIRETOR EXECUTIVO DO SAAE.
RONALDO BARBOSA, PROCURADOR JURÍDICO.
ROGERIO COSTA, SUB-SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO.
ROOSEVELT BRASIL, ASSESSOR ESPECIAL.
RUTH COUTINHO, VICE-PREFEITA.
VITÓRIA GALVÃO, SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO.
ZÉ RENATO, O PREFEITO.
ZITO, SECRETÁRIO DE PLANEJAMENTO.

Só que no nosso paredão, além de não pagar nada, você pode votar em quantos quiser. Aproveite, faz bem para a saúde desabafar um pouco.

Em tempo, se algum cargo ou nome estiver errado ou faltar alguém, não importa, o que vale é jogar a sua pedrinha nessa vidraça encardida.

RESULTADOS DA NOITE.




MAIS DUAS ENQUETES CONCLUIDAS.

Perguntamos aos nossos visitantes qual a melhor casa de shows do Sul Fluminense e o resultado foi o seguinte:

1. SUN-BAR (Penedo) 38,89%
2. PORÃO (Volta Redonda) 36,11%
3. APPALOOSA (Quatis) 18,42%
4. CANA CAFÉ (Volta Redonda) 5,55%
Estação Penedo(Penedo) e Estoril (Resende) não obtiveram votos.

Perguntamos também qual seria o melhor bar/restaurante de Barra Mansa, e o resultado foi:

1. COLARINHO BRANCO E PETISCO DA BARRA.
3. FRONTEIRAS.
4. GAIA GRILL.
5. BOTEKO DO BORRACHA, CASA DO CHOPP, ESTAÇÃO DA PIZZA E SABOR E LENHA.
9. BAR DO BATATA E BELISKA.
Estação do Bacalhau, la Campagnola e Mistura Clássica não foram votados.
33% dos votantes prefeririam votar em opções não oferecidas na enquete.
Parabéns então aos amigos Geraldo e Kaká Costa (Sun-Bar), Salume (Porão), Julinho Marassi (Appaloosa), Leo (Colarinho Branco) e Maninho e Fabrício (Fronteiras), pelas colocações alcançadas. Quanto ao Petisco da Barra não tenho o hábito de frequentar mas qualquer hora passarei por lá para conferir. Nossa galera tem bom gosto.

A VERGONHA DO LEÃO.


REMAKE NECESSÁRIO.

O Subsecretário de Educação de Barra Mansa, em pronunciamento através de comentário em nosso blog, na postagem “Bem quietinho”, de uma forma dissimulada e inútil, acusa-nos de oposição desnorteada ao chamarmos o episódio que virou investigação do MP de laranja, disse que Roosevelt Brasil é o maior interessado em apurá-lo, se houve qualquer desvio, quer por parte do futebol ou do Recanto, blá-blá-blá, blá-blá-blá, blá-blá-blá.....
Tal depoimento é uma ofensa à inteligência de qualquer um, inclusive a minha.
Não é o Roosevelt que vai apurar nada secretário. É ele que está sendo investigado. É ele que foi o ordenador da despesa. É ele que provavelmente vai ter que devolver do próprio bolso aos cofres públicos os 575 mil reais gastos numa operação fraudulenta de lavagem de dinheiro onde para financiar uma agremiação que estava impedida de receber recursos públicos por inadimplência com a receita federal, usou o Clube do Recanto como “laranja” e nem os sócios e muitos diretores do clube sequer sabiam que isso estava acontecendo de abril a dezembro de 2008. Isso se é que todo esse dinheiro foi para o Barra Mansa Futebol Clube gastar em apenas doze partidas na terceira divisão do estado, o que duvido muito, mas cabe a justiça investigar. Não tente tapar o sol com a peneira, porque não adianta mais. O Ministério Público acatou a denuncia municiada por um farto arsenal de provas e documentos, inclusive o ofício do prefeito Zé Renato, que é uma verdadeira confissão de culpa.
Não venha com essa ladainha, pois o que lhe compete, está muito mal que é a educação pública em Barra Mansa. Não pense que nossos leitores são como os alunos da rede pública, que por falta de incentivo e boa educação, são facilmente enganados e levados a erro. Chega. Acabou a trololó, Agora é a vera. Está nas mãos da justiça.
Para refrescar a memória de nossos leitores, reproduzirei a postagem que gerou a investigação.

Quinta-feira, 22 de outubro de 2009 (6ª postagem do blog).

LARANJA – LEÃO DO SUL – RECANTO – DENÚNCIA

Hoje vi uma postagem no estacaobm.blogspot.com efetuada por meu amigo Figurótico. Falava a brilhante e sentimental coluna sobre o fim do Barra Mansa, mais precisamente se reportando a demolição da antiga sede do Barra Mansa Futebol Clube. Sobre este assunto polêmico e extremamente blindado pela Prefeitura da cidade, finalmente vou desabafar.No início deste ano ao analisar os balancetes da Prefeitura e suas autarquias em 2008, resolvi pela primeira vez, ver o conteúdo da FEBAM, antiga Fundação de Cultura e Esporte e Lazer da cidade, e aí começou a novela que certamente demorará a ter um desfecho. Constatei que no mês de abril de 2008, a Febam repassou ao “CLUBE DO RECANTO” uma quantia expressiva e não entendi o porque, e para minha espécie, tais procedimentos continuaram a ser observados nos meses de maio, junho, julho, agosto, setembro, outubro, novembro e dezembro. Somando-se o valor dos repasses, se chegou quantia de R$575.000,00 (Quinhentos e setenta e cinco mil reais). Imediatamente procurei o assessor legislativo do prefeito na Câmara Municipal e o indaguei a respeito, assim como fiz com alguns vereadores da base de sustentação de governo.Todos eles informaram que nada sabiam do assunto. Intrigado, perguntei por telefone sobre a origem dos repasses ao falecido Secretário de Governo de Barra Mansa, Lúcio Teixeira, e ele só me afirmou que estava tudo dentro da legalidade, mas não se aprofundou na resposta. Evidentemente insatisfeito, procurei o vereador Guto Nader, e lhe informei do fato estranho e insólito. Prontamente ele redigiu um pedido de informação ao prefeito Zé Renato, que na mesma semana fora aprovado por unanimidade no plenário da Camara. Isto posto, o prefeito teria quinze dias para responder as indagações a respeito dos repasses e anexar os documentos pertinentes. Para nossa surpresa, em apenas três dias ele respondeu laconicamente o pedido de informações do vereador, sem anexar documento algum, apenas informando que os valores repassados ao CLUBE DO RECANTO foram para fazer face as despesas do campeonato de futebol amador da cidade, a participação da cidade na Copa TV Rio Sul de Futsal e para ajudar a participação do BARRA MANSA Futebol Clube nos campeonatos estaduais de futebol da terceira divisão, nas categorias junior e profissional. Nada mais disse a não ser informar que tal colaboração era advinda do clamor popular e faziam parte das comemorações do centenário do leão do sul. Em toda a minha vida pública, jamais vi uma confissão de culpa e crime tão rápida e evasiva. Configurou-se claramente na resposta do prefeito, a quem respeito e tenho carinho, a criação oficial do termo “laranja”, pois o CLUBE DO RECANTO estava desta forma sendo “laranja” do BARRA MANSA FUTEBOL CLUBE, segundo as próprias informações do prefeito Zé Renato.Faço uma pausa na linha de raciocínio para informar que o Barra Mansa disputou apenas doze jogos no campeonato, tinha vários jogadores com salários pagos por empresários e suas despesas de transporte, alimentação e hospedagem eram parcialmente pagas pela própria prefeitura e alguns beneméritos do time, enquanto o Fênix, que não teve nenhum apoio deste porte, jogou dezoito partidas e sua despesa ficou em um quinto dos valores repassados via terceiros para o Leão.Não demorou muito para eu me lembrar, que justamente na época do início dos repasses até hoje suspeitos, o presidente do Clube do Recanto era o Sr. João Luiz Cuntin Rezende, o popular Jojô, que coincidentemente foi nomeado pela prefeitura no mesmo período como Assessor Especial de Esportes. Também recordei que durante este período o próprio Jojô, assim como o Sr. Celestino Rezende e o Sr. Renine Oliveira, foram presidentes do Barra Mansa Futebol Clube. Vale lembrar que o Sr. Renine era e ainda é Diretor Executivo do SAAE e o Dr. Celestino era e ainda é Assessor Jurídico da Prefeitura. Também recordei que o Procurador Jurídico da Prefeitura, Dr. Ronaldo Barbosa, é um dos conselheiros do Clube do Recanto, isto sem contar outras personalidades que tem vínculos com as dois ou três dos órgãos mencionados: Recanto, Prefeitura e Barra Mansa F.C..Para o leitor ficar ainda mais encafifado, informo que o último ato do ex-prefeito Roosevelt Brasil, no dia 31 de dezembro, foi VETAR uma emenda dos então vereadores Rodrigo Drable e Ademir Melo, que concediam no orçamento público, de forma legal, a doação de quase quatrocentos mil reais ao Barra Mansa Futebol Clube.Para botar ainda mais pimenta neste vatapá temperadíssimo, também informo que a primeira mensagem do prefeito atual, foi a criação de diversos cargos na prefeitura, sendo dois deles a nível de primeiro escalão, e coincidentemente os dois nomeados para tais cargos foram o Sr. João Luiz Cuntin Rezende e o ex-prefeito Roosevelt Brasil.Quando descobri este arranjo, era sócio e freqüentador habitual do Recanto, onde ainda tenho inúmeros amigos, mas de lá para cá, não me senti mais a vontade para continuar essa rotina. Me senti, como muitos sócios, usado e abusado.Fiquei sabendo que a atual direção do Clube, colocou em seus murais internos a informação que nenhum centavo destas verbas ficou no Clube, foram todas repassadas a Barra Mansa Futebol Clube. Se isto procede, só vem a acentuar a improbidade, mas deixemos a justiça analisar.Quando assumi a Presidência do PSC de Barra Mansa, partido de meu Deputado federal Delei, visitei junto com meu “staff” partidário as dependências o jornal “A Voz da Cidade”, e municiado de todos os documentos alusivos que comprovam as afirmações acima, dei uma entrevista que seria publicada imediatamente. Estranhamente nada foi publicado e dois dias após recebi a visita em meu Gabinete do amigo Vivaldo Ramos, dono do Transporte Generoso, e famoso benemérito do Barra Mansa Futebol Clube. Gentilmente ele me doou um livro sobre a nova ortografia e disse que tal livro seria importante para minhas bem escritas linhas futuras. Concomitantemente narrou a sua trajetória de vida e seu amor por Barra mansa, do qual nunca duvidei. Mas veio junto o pedido para não tocar no assunto polêmico visto que isto poderia prejudicar o Barra Mansa Futebol Clube. Infelizmente não pude atendê-lo e no dia seguinte fui ao programa Café no Bule, do Paulinho Lima, onde achei ser o único espaço radiofônico que ainda não estava contaminado com as verbas publicitárias da prefeitura. Peguei-o de surpresa, mas em poucos minutos fiz o relato da denúncia e coloquei-me a disposição para processos e ações movidas por qualquer um que se sentisse prejudicado com minhas colocações, inclusive fornecendo meus dados pessoais, endereço e números de documentos. Até hoje, apesar de algumas ameaças indiretas, ninguém ousou me acionar na justiça sobre o tema, mas continuo a disposição.Coincidentemente, e haja coincidências, passei a ver no jornal “AVoz da cidade” propagandas coloridas e amplas da Transporte Generoso.Informo que entre as pessoas citadas, infelizmente, por várias delas sinto respeito e carinho, e rogo para eu não se sintam ofendidas, mas Barra Mansa é maior do que as minhas satisfações pessoais.O leitor deve me perguntar se imagino a origem deste imbróglio. Imagino, sim. O Prefeito da época, Roosevelt Brasil, pessoa a quem não confio nem respeito como ser humano nem como político, é um homem de inteligência privilegiada e dotado de um maquiavelismo sem precedentes na cidade. Com sua sagacidade, não faz nada que não seja monitorado por pesquisas que algo me diz que são financiadas com o nosso suado dinheirinho, mas isto é outra conversa.Por estar atento as informações, ele percebeu que no início do ano, o seu adversário Ademir Melo, liderava com folga todas as pesquisas relativas a eleição de outubro e seu candidato Zé Renato não emplacava de jeito algum. Percebendo o quadro político, Roosevelt notou que entre os jovens e os esportistas, para quem seu governo pouco ou nada fez, a liderança de Ademir era ainda mais acentuada. Precisava então Roosevelt, adentrar no segmento de forma rápida e objetiva. Nada mais conveniente que o Barra Mansa Futebol Clube estar comemorando centenário de vida. Mesmo após sete anos de total abandono ao clube, Roosevelt resolveu ser o grande benemérito do Leão, e colocou a máquina a disposição do clube tentando reverter as posições eleitorais. Infelizmente, a necessidade falou mais alto que a ética, e os dirigentes do leão, que há pouco tempo defenestravam o prefeito, passaram a lhe abrir as portas e os braços. O resto foi conseqüência, pois como diz o ditado: “A ocasião faz o ladrão!”.Tentei de todas as formas receber informações e relatórios claros e objetivos da origem legal e do destino de tais verbas, evitando se fosse possível, possíveis injustiças, mas infelizmente, ate agora nada.Mas a novela ainda tinha mais capítulos.Em abril deste ano, a própria prefeitura repassou vinte e poucos mil reais ao Clube do recanto, mas segundo me informaram, o Clube desejou abocanhar uma fatia e a parceria melou.Porém, no dia 28 de agosto de 2009, a prefeitura de Barra Mansa pagou ao Barra Mansa futebol clube, a quantia de R$500.000,00 (Quinhentos mil reais).As informações obtidas dão conta que tal valor é referente a desapropriação do imóvel mencionado pelo Figurótico. Dizem ainda que o valor proposto era de duzentos mil, mas a justiça achou pouco e recomendou quinhentos, o que a Prefeitura concordou sem hesitar nem contestar judicialmente.Dias após o Leão foi novamente eliminado do campeonato da terceira divisão e o Fênix segue seu vôo em céu de brigadeiro.Está aí, Figura, o motivo do desabamento, vai servir para construção do Vieira da Silva, que se você lembra, foi razão de recente embate técnico da Maçonaria com a PMBM, Maçonaria esta que tem nos seus valorosos quadros, as figuras do Vivaldo e do Ronaldo, entre outros.Infelizmente, não deu mais para segurar, e o vereador Guto Nader, adentrou com esta denuncia no Ministério Público. Lá no MP, as verbas públicas não dizem nada, só a verdade satisfaz. Lá no MP, reside minha esperança de que esta história seja colocada em pratos limpos e os inocentes se assosseguem e os culpados, se houverem, paguem na forma da lei. Lá no MP, existe a esperança de que a gente não veja nossos valores morais serem derrubados sem piedade.Agora, caro amigo, independentemente desta lambança, temos que discutir o mérito social. O Barra Mansa Futebol Clube é de seus associados ou é da cidade? É justo uma cidade que não tem saúde nem educação de qualidade, alicerces principais de uma sociedade, despender tantas verbas para o deleite de alguns torcedores mal sucedidos? O apoio ao esporte ao nosso ver, tem que ser feito dentro da legalidade, com criatividade e inteligência, assim como fez o prefeito Neto de Volta Redonda, que agindo sempre como um embaixador do Voltaço, construiu legalmente um dos estádios mais modernos do mundo, não só para a prática do esporte bretão, mas para serviços sociais de longo alcance que fazem o orgulho diário dos volta-redondenses.Lá valeu a luta, pos os resultados foram semeados em terra frondosa e sob o sol da legalidade. Aqui dificilmente prosperará uma ação por baixo dos panos, onde nem os sócios proprietários do Clube do Recanto foram informados da negociata e do trampolim para qual serviram, financeira e politicamente.Vale ressaltar que a ajuda financeira ao Barra Mansa Futebol Clube de forma direta, era vetada face as dívidas previdenciárias e fiscais do Leão do Sul. Agora certamente com a verba da desapropriação a situação deve ser regulamentada e novos repasses deverão vir por aí.Sei que esta polêmica desagrada a muitos, inclusive a diletos amigos meus, mas tenho o sonho de ver esta cidade passada a limpo, e que seu futuro seja em caminho fértil para como diz meu amigo Beto Guedes, possamos merecer quem vem depois. À juventude sofrida e castigada de Barra Mansa, ofereço este depoimento, esperando que seus valores sejam melhores do que os da minha geração, que nasceu e foi criada sob o chicote implacável da corrupção.

IMAGEM SOLIDÁRIA


EXAMES MAIS BARATOS DA MELHOR QUALIDADE PARA QUEM NÃO TEM PLANO DE SAÚDE

Foi criada uma clínica de exames de diagnósticos por imagem, para atender a população de baixa renda.

A Kodak, GE, e empresas da área de saúde patrocinaram este magnífico projeto!

É a realização de um sonho do radiologista Romeu Cortes Domingues, diretor médico de duas clínicas de radiologia, que buscou parceiros para a iniciativa.

Para se ter uma idéia, os exames, que custam, na rede privada, cerca de R$ 850,00, são oferecidos por R$ 120,00.

Repassem para todos que necessitam de ressonância magnética, ultra-som e mamografia e não podem pagar.

Rua São Clemente, 216 – Botafogo – RJ

Confiram o site deles: www.imagemsolidaria.com.br


DIVULGUEM ! A VIDA DE ALGUÉM PODE ESTAR DEPENDENDO DISTO!

BLOG COM ISO 9000

GRATO.

Aos amigos, inimigos, afetos e desafetos,
Muito obrigado.
Para os amigos compartilho o fato de estar praticamente acertada a nossa volta para a televisão.

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

BOLSA AGIOTA


Empresário é acusado de extorsão com cartões do Bolsa Família

Nesta quarta-feira, um empresário de Floriano, sul do Estado do Piauí, foi preso em flagrante com mais de 80 cartões do Bolsa Família. Ele é acusado de extorquir aposentados e pensionistas durante empréstimos bancários. O prejuízo pode passar de R$ 300 mil, de acordo com a polícia.
O delegado Marllos Sampaio, da Delegacia do Idoso, disse que o empresário Luiz de Sousa Brandão, 64 anos, proprietário da factory Credito Fácil, é acusado de emprestar dinheiro pedindo como garantia os cartões do Bolsa Família.
"Ele ficava com os cartões como garantia, inclusive utilizando-se de ameaças para obter as senhas dos cartões do Bolsa Família e de seguros sociais", disse o delegado que está em Floriano, a 244 km de Teresina, capital do Estado.
Com ele, foram apreendidos 85 cartões do Bolsa Família e da previdência. Segundo o delegado, o acusado obrigava os idosos a fazer empréstimos ilegais para que as vítimas pagassem juros abusivos à sua empresa.
"Temos cartas em que ele fazia ameaças aos idosos, caso não fosse feito o pagamento", destacou o delegado.

Quando se dá peixe pequeno e paliativo, ao invés de se ensinar a pescar e povoar os rios de peixes, é isso que pode acontecer.
Esmola jamais substituirá educação e emprego, apenas atrela inocentes em golpes e estelionatos eleitorais. Agora além de eleitorais, financeiros também.
Não tenho a menor dúvida que esse agiota sem caráter é futuro eleitor de carteirinha da Dilmaníaca.

BEM QUIETINHO....


PPPPPSSSSSIIIIIUUUUUUUU......

Não sei se vocês repararam, mas hoje, principalmente depois de postar a BOA NOVA instauração do inquérito no Ministério Público, sobre a lavagem de dinheiro PMBM FEBAM X CLUBE DO RECANTO X BARRA MANSA FUTEBOL CLUBE X SABE LÁ MAIS QUEM, a “turma do bem” não fez mais nenhuma gracinha.
Podem ter certeza de não rejeitei nenhum comentário.
Acho que caiu a ficha da incerteza na impunidade. Acho que eles acordaram para o fato de que não estão cima do bem e do mal. Acho que perceberam, pelo menos por enquanto, que existe gente que está disposta a dar um fim nesse mar de desmandos, injustiças, privilégios, prevaricações, e outras sacanagens impublicáveis.

Hoje não recebemos AB, RRC, Turma do bem, Um do bem, Jéssica Cida Coxão, Go out, A bem da verdade, nem outro pseudo-intelectual oportunista.

Contra fatos não há argumentos e a justiça tarda mas não falha, são ditados antigos e populares que cabem muito “bem” nesse momento histórico.

É assim que tem que ficar quem tem rabinho preso.
“BEM” quietinho...

DROGAS LETAIS E LEGAIS.



ABUSO DE MEDICAMENTOS SUPERA USO DE DROGAS NO MUNDO.

O uso abusivo de remédios prescritos cresce rapidamente no mundo todo, e o número de viciados em medicamentos já supera o de usuários de cocaína, heroína e ecstasy combinados. O alerta foi feito pela Junta Internacional de Fiscalização a Entorpecentes (Jife), da ONU, que divulgou um relatório sobre drogas em Viena (Áustria).
"As pessoas tendem a achar que o abuso de medicamentos prescritos é apenas um uso inadequado de substâncias para tratar problemas de saúde. Mas esses incidentes são frequentemente resultado de um vício que pode ser tão letal como a dependência de drogas como a heroína ou a cocaína", diz o documento.
A Jife afirmou que a morte de diversas celebridades no ano passado, como o cantor Michael Jackson, chamaram a atenção para o uso exagerado de remédios prescritos. Nos Estados Unidos, país do cantor, 6,2 milhões de pessoas abusaram destes medicamentos em 2008, perdendo em número apenas para o consumo de maconha.
A tendência, contudo, está se espalhando por todo o mundo nos últimos anos, segundo Hamid Ghodse, diretor do Centro Internacional de Política de Drogas da Universidade St George, em Londres, e um dos autores do relatório.
"[O abuso] precisa ser combatido urgentemente", alerta Ghodse, que ressaltou a dificuldade em se conseguir dados sobre o uso abusivo de farmacêuticos, que é um "problema escondido".
O relatório afirma que, na Alemanha, entre 1,4 milhão e 1,9 milhão de pessoas são viciadas neste tipo de droga. Já no Canadá, entre 1% e 3% da população abusam dos chamados opioides.
Em vários países europeus --como França, Itália, Lituânia e Polônia-- a porcentagem de estudantes que revela usar sedativos ou tranquilizantes fica entre 10% e 18%.
O consumo é alimentado, segundo a Jife, é por farmácias ilegais na internet que vendem remédios roubados por todo o mundo. A Jife pediu aos países que monitorem mais de perto as farmácias on-line ou que as fechem.


OI, QUADRILHA.


TENTÁCULOS INFINITOS DO POLVO DA CORRUPÇÃO LULISTA.

Dilma Rousseff foi sagrada candidata do PT à presidência da República no último fim de semana defendendo um suposto “Estado forte”. Aos poucos vai ficando claro para todo o mundo o que significa esse monstrinho, algo que pode ser chamado desde já de um neopatrimonialismo, ou seja, a ressurreição da velha apropriação do aparelho estatal por interesses privados.

O mais novo exemplo do que o petismo vem fazendo com o Estado brasileiro – e já demonstrou disposição para lutar com todas as suas forças para continuar fazendo – explodiu na manchete da edição de ontem da Folha de S.Paulo e alastrou-se por todos os principais jornais do país hoje: “(José) Dirceu recebe de empresa por trás da Telebrás”. Trata-se de mais um negócio escuso envolvendo o governo do PT, seus cabeças e interesses privados. Em suma (a íntegra da matéria é muito mais rica), o chefe da quadrilha do mensalão e agora um dos coordenadores da campanha de Dilma recebeu R$ 620 mil para intermediar junto ao governo do PT os interesses de uma das donas da Eletronet, empresa cuja rede de fibras óticas será aproveitada caso a Telebrás seja reativada como provedora de internet em banda larga, como prometeu Lula.
O contratante de Dirceu é Nelson dos Santos, dono da Star Overseas Ventures, empresa que em 2005 comprou parte de uma já falida Eletronet por R$ 1 (não é erro de digitação: é um real mesmo). Naquela ocasião, a Eletronet devia algo como R$ 800 milhões. Ou seja, Santos simplesmente jogou-se dentro de uma companhia dona de dívida gigantesca. A troco de quê? Com o passar do tempo, as coisas foram ficando claras.
No início de 2007, o sócio da Eletronet contratou o mágico Dirceu, (A Unidos da Tijuca pode dispensar o Paulo Barros) em razão, digamos, de seu currículo (ou será da sua folha corrida?). Terá sido para quê? Vejamos: oito meses depois, o governo Lula anunciou que pretendia fazer a Telebrás renascer das cinzas usando para isso... a rede de cabos da falida Eletronet, contratante dos serviços do chefe do mensalão – e, desde o fim de semana, novamente um dos integrantes do Diretório Nacional do PT.
Para tanto, a União precisará limpar a área da Eletronet, pagando seu passivo – uma parte já começou a ser paga com o depósito de caução de R$ 270 milhões, conforme informou a Advocacia-Geral da União. Nesta operação, Nelson dos Santos, que entrou na história desembolsando R$ 1 e investiu mais R$ 620 mil na blue chip JDIR40, pode sair com R$ 200 milhões no bolso. Até a megavalorizaçao que os papéis da Telebrás vêm tendo na Bolsa – de quase 30.000% desde 2003 – vira fichinha perto do negoção de Nelson dos Santos...

Passemos para o lado de dentro do balcão. Perguntada ontem, em Cuiabá, sobre o assunto, a candidata-ministra destilou seu costumeiro destempero: “Vocês estão insinuando o quê?”, questionou, sem nada esclarecer, ao velho estilho Chacrinha.
Não há insinuação, dona Dilma; há constatação. Há um balcão de negócios montado pelo PT dentro do governo para atender interesses privados em troca da perpetuação do partido no poder. O tal Estado forte de Dilma e do PT é um Estado vendilhão, entregue aos amigos do poder.
A ressurreição da Telebrás – que deve custar algo como R$ 15 bilhões, que sairão do bolso de cada um de nós, otários contribuintes, é apenas mais um episódio desta saga de ocupação. Houve outros, como os da Varig e, o mais escandaloso de todos, o da fusão Oi-Brasil Telecom, financiada com farto dinheiro público. “Empresários com acesso ao governo Lula garantem uma bolada sem precisar investir muito (ou nada), graças a informações reservadas e/ou ao suporte jurídico da União”, sintetiza Melchiades Filho, na Folha.
Sintomaticamente, a Oi também figura agora no episódio da Eletronet: a super-operadora gestada pelo estatismo petista também é candidata a assumir um generoso pedaço na empresa das fibras óticas da morta-viva Telebrás, conforme mostra a Folha hoje.

Os tentáculos parecem não ter fim.
E o povo aplaude recebendo esmola do bolsa-familia.

SETENTA, MAS VAI CONTINUAR TENTANDO.


PENDURANDO CHUTEIRAS.

Ao completar 70 anos hoje, deixa compulsoriamente o cargo de Conselheiro do Tribunal de Contas do estado do Rio, o ex-deputado, ex-presidente da ALERJ, e ex-Governador Interino, José Nader.

Em outubro tentará retornar à ALERJ.
Seu filho, atual deputado estadual, deve concorrer a uma cadeira no Congresso Nacional.

JOGO DOS 10 ERROS


Hoje, na coluna “Mosaico” do Diário do Vale, consta a seguinte nota:

Sem volta
Roosevelt, por sinal, está de férias do cargo de Assessor Especial para Captação de Recursos da prefeitura de Barra Mansa.
Como tem períodos acumulados do seu cargo de funcionário de carreira do Saae, o ex-prefeito não volta antes de abril, quando precisa se desincompatibilizar para ser candidato em outubro.
Nem quer voltar depois, porque pretende conquistar a cadeira de deputado.

Pirei. Surtei. Enlouqueci.
Me responda, por gentileza:

1. Como ele pode estar de férias do cargo comissionado de Assessor especial de captação de recursos, se o cargo existe a menos de um ano?
2. Se ele está de férias em relação ao SAAE, é do SAAE que ele está recebendo salários ou da Prefeitura, com nível de vencimentos igual ao de Secretário?
3. Como ele se encontrava em licença pelo SAAE, para exercer o cargo de prefeito, como tem direito a férias? Pois licença sem vencimentos não garante direito a férias.
4. Se ele está de férias, qual o motivo das entrevistas que ele dá semanalmente para a Rádio do Comércio? Será como Engenheiro?
5. Existe alguém nomeado para substituí-lo nas férias, ou a Assessoria especial foi criada especificamente só para ele? Se existe, quem?
6. Se ele está de férias, como pode estar viajando em nome e por conta da prefeitura?
7. Se ele está de férias, como o irmão dele afirma que ele está conseguindo verbas para Barra Mansa? Com que credencial?
8. Se ele está de férias, como pode estar usufruindo o seu super-gabinete montado em sala luxuosa em prédio não menos luxuoso no centro da cidade?
9. Se ele está de férias, porque a mídia lhe garante tanto espaço, como na própria matéria no Mosaico que registrou sua visita à Camara de Volta Redonda?
10. É legal esse suposto período acumulado de férias perante a legislação trabalhista?

Agora cheguei a derradeira conclusão. Eles não são do bem. Eles são acima do bem, e do mal. Pelo menos se acham. Mas não pense que estar de férias vai lhe fazer escapar da intimação do Ministério Público para explicar a lavagem de dinheiro PBMB FEBAM X RECANTO X BARRA MANSA F.C.. Lá você não passa por cima da Lei e da razão como faz na Prefeitura de Barra Mansa com a vergonhosa aquiescencia do seu socio-sucessor.

HORA DO PLANETA.


VENHA FAZER PARTE DO MUNDO. UM MUNDO ÚNICO, SEM FRONTEIRAS. ONDE TOMOS SOMOS IGUAIS E RESPONSÁVEIS POR ELE.

No sábado, 27 de março, entre 20h30 e 21h30 (hora de Brasília), o Brasil participa oficialmente da Hora do Planeta. Das moradias mais simples aos maiores monumentos, as luzes serão apagadas por uma hora, para mostrar aos líderes mundiais nossa preocupação com o aquecimento global. Hora do Planeta começou em 2007, apenas em Sidney, na Austrália. Em 2008, 371 cidades participaram. No ano passado, quando o Brasil participou pela primeira vez, o movimento superou todas as expectativas. Centenas de milhões de pessoas em mais de 4 mil cidades de 88 países apagaram as luzes. Monumentos e locais simbólicos, como a Torre Eiffel, o Coliseu e a Times Square, além do Cristo Redentor, o Congresso Nacional e outros ficaram uma hora no escuro. Além disso, artistas, atletas e apresentadores famosos ajudaram voluntariamente na campanha de mobilização. Em 2010, com a sua participação, vamos fazer uma Hora do Planeta ainda mais fantástica!

Existem diversas formas de participação. A primeira delas é se cadastrar.
Clique aqui e informe os dados necessários. É bem rápido. O cadastro dos participantes é a principal maneira que temos de avaliar quantas pessoas apagaram as luzes. Os participantes brasileiros serão somados com os de outros países, formando uma grande corrente pelo futuro do planeta. Os nomes das empresas cadastradas vão aparecer na página Apoiadores neste site. O próximo passo é espalhar a mensagem da Hora do Planeta para o maior número possível de pessoas. Convide familiares, amigos, colegas e membros da sua comunidade para participarem também. Se você utiliza as mídias sociais, como Orkut, Twitter, Youtube e Facebook, use essas ferramentas para falar com os seus amigos. Publique as notícias sobre a Hora do Planeta produzidas pelo WWF-Brasil. Dê o link para vídeos e fotos sobre o movimento postados na internet.Saiba o que acontece no mundo inteiro na Hora do Planeta. Clique aqui ou acesse www.earthhour.org.

http://www.horadoplaneta.org.br/index.php

"Mesmo sendo um grave problema, o tema do Aquecimento Global traz uma grande oportunidade para a humanidade - enxergarmos que todos, independente de raça, credo, cor, situação financeira e país - vivemos em um só planeta, em um só mundo"

BRASIL - CELULAR - TARIFA MAIS CARA DO MUNDO.


Brasil tem tarifa mais cara de celular, diz UIT

GENEBRA - O consumidor brasileiro continua a pagar a fatura mais cara do mundo pelo uso do telefone celular, de acordo com o índice de Paridade de Poder de Compra (PPP), apesar de estar gastando menos de sua renda com esse serviço. É o que mostra a União Internacional de Telecomunicações (UIT) numa comparação entre 159 países.

E a qualidade do serviço é cada vez pior. Em Barra Mansa, nós colocamos na Câmara Municipal de Barra Mansa, o CODECON, Comissão de Defesa do Consumidor, que dispõe de advogados gratuitos para quem se sentir lesado pelas operadoras e pleiteia ressarcimento. É só doendo no bolso e na lucratividade que eles vão aprender a respeitar os direitos de nosso povo. Use e abuse. O CODECON funciona em um anexo da Câmara Municipal de Barra Mansa e atende ininterruptamente de 8 às 18 horas de segunda à sexta-feira.

ATENÇÃO REDOBRADA, PREVISÃO DE CHUVAS.


CHUVAS NOS PRÓXIMOS DIAS.

As prefeituras do Sul Fluminense e os órgãos de defesa civil tem que redobrar a atenção a partir da noite de hoje até domingo. Segundo o site de meteorologia tempoagora.com, estão previstas chuvas muito intensas para os próximos cinco dias.
Em Piraí, Valença, Pinheiral, Vassouras, Barra do Piraí, assim como em todo o Vale do Café, estão previstas média de 150mm de chuva nos próximos dias sendo quinta e sexta-feira os dias mais preocupantes, com níveis diários que podem chegar a 70mm.
Em Rio Claro, está previsto um índice de 80 mm para amanhã.
Em Barra Mansa, Volta Redonda, Resende, Quatis, Porto Real, estão previstos 110 mm de chuva nos cinco dias vindouros, com maior intensidade amanhã e intensidade média-alta no sábado.
Em Angra dos Reis e na Costa Verde estão previstas também chuvas intensas na quinta, e fortes na sexta.
Na capital carioca, assim como a capital paulista também estão previstas chuvas intermitentes, assim como no Vale do Paraíba paulista, o que pode provocar uma cheia do Rio Paraíba do Sul.
Mesmo que no sábado e domingo as chuvas diminuam a intensidade, conforme previsto, deve chover em toda a região sudeste e é recomendado adiar as viagens por ventura programadas.

O índice pluviométrico em ‘mm’ significa que, em um ano, em um reservatório-caixa com a área da superfície aberta de 1m2, existe a precipitação de uma quantidade de chuva suficiente para elevar o nível desse reservatório em sua medida vertical (sua profundidade, digamos), em milímetros, equivalente ao próprio índice. Se dissermos que o índice pluviométrico de um dia, em um certo local, foi de 2mm, significa que, se tivéssemos nesse local uma caixa aberta, com 1 metro quadrado de base, o nível da água dentro dela teria atingido 2 mm de altura naquele dia. Para chegar a esse índice, as centenas de estações meteorológicas espalhadas pelo país utilizam um aparelho conhecido como pluviômetro. Há vários modelos diferentes, mas o instrumento constitui-se, basicamente, do funil de captação e básculas que enviam sinais elétricos para uma estação meteorológica. Com base em todos os aparelhos instalados na cidade, é possível chegar à média da precipitação observada na área total. Quando escutamos que choveu 7 milímetros na cidade, por exemplo, significa que essa seria a altura média alcançada pela água a partir do chão, na área total da cidade em determinado período de tempo.

A média no Brasilé de 1500 mm por ano, ou seja, quando o site prevê 80mm de chuva para Rio Claro amanhã, significa que é um volume tão alto que normalmente só o somatório da chuva de vinte dias alcançaria tal resultado.
Para as outras cidades a quantidade de chuvas eperadas para os próximos 5 dias é equivalente o que seria normal chover durante o mês inteiro, o que nos faz ficar apreensivos. No mais, é esperar que as previsões não se confirmem e que as cidades estejam preparadas para suportar sem maiores danos, as águas da estação.

ÁGUA BENTA PARA NOSSA SEDE DE JUSTIÇA.


INQUÉRITO CIVIL PÚBLICO. LAVAGEM DE DINHEIRO. FEBAM X RECANTO X BARRA MANSA FUTEBOL CLUBE X (SERÁ QUE MAIS ALGUÉM?????)

Ontem foi um dia agitado aqui no blog. Gastei bastante tempo respondendo aos inúmeros comentários inseridos. Muitos falavam das providencias perante a justiça para que as denúncias de que nosso blog foram palco chegassem a algum termo. Cheguei a receber um comentário se despedindo do blog, cuja autora dizia-se enojada, pois eu escrevia muito e agia pouco. Talvez tenha sido o comentário que me deixou mais capisbaixo, pois expliquei que a proposta do blog era semear um fórum de discussões onde nossa juventude ficasser a par de informações geralemente omitidas na mídia e pudessem interagir mais na vida pública, reiterando minha esperança na juventude como meio de mudança social e criação de um novo e auspicioso tempo de justica.

Salientei que já me exponho e arrisco demais, alguns amigos até me consideram meio louco em colocar em risco o cargo que possuo e desafiar tão poderosos adversários, mas mesmo assim, expliquei que não tenho pretensão política pessoal e não quero salvador da pátria, mas o material colhido no blog estaria a disposição do serviço de qualquer um. Reiterei que tenho responsabilidade perante minha família que me impedem de ser ainda mais ousado. Mesmo com a consciência limpa em estar fazendo o que está ao meu alcance, fiquei um pouco abatido pela desesperança que as pessoas acabam tendo na justiça e até mesmo em mim.

Confesso que passei a noite um pouco triste e melancólico. Pensei: será que nosso blog e nossa luta realmente estão sendo em vão? Será que estou falando ao vento e somente uma atitude "kamikaze" poderiam dar mais sentido em minha vida? Será que somente como mártir poderia prestar um serviço realmente produtivo para minha cidade e minha região? Será que eu teria que me jogar aos leões para que o público pudesse vibrar e sentir saciada a sua sede de justiça? Será que minha família entenderia isso? Será que valeria a pena?

Mas como sempre falei que tem um Cara lá em cima que gosta de mim e nunca me desampara, logo cedinho fiquei feliz em receber uma notícia que quero ter o prazer de compartilhar com todos visitantes do nosso blog:

Graças ao material colhido e investigado por mim e colocado a disposição da justiça, O Ministério Público Estadual acatou uma denúncia e foi aberto em 18 de fevereito de 2010, UM INQUÉRITO CIVIL PÚBLICO DE Nº 23/2010, PARA APURAR SUPOSTA "LAVAGEM" DE DINHEIRO PÚBLICO VIA FEBAM (PMBM) X CLUBE DO RECANTO X BARRA MANSA FUTEBOL CLUBE X ??????????, NO VALOR DE R$570.000,00 (QUINHENTOS E SETENTA MIL REAIS).

As partes envolvidas já começarão a ser chamadas para prestar depoimentos.

Eu já falei que existe um caminho para a justiça, e esse caminho atende pelo nome de MINISTÉRIO PÚBLICO.

Esse alento de esperança me fez sorrir e ao mesmo tempo chorar. Sorrir porque podemos ainda acreditar na justiça. Chorar porque precisamos aciona-la e isso causa desgastes muito profundos e deixa raízes inquebráveis, mas enfim, se é essa a nossa missão, que a cumpramos com dignidade e destemor.

Anônima desesperançosa e enojada, a gente além de escrever muito, age um pouquinho também, mas seria de bom tom, que todos os cidadãos incomodados e injustiçados não esperassem atitudes dos outros e também lutassem pelo que consideram justiça.

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

AFRONTA AO NOSSO BOLSO E A NOSSA LEI.


Trecho da coluna Legialativo em ação da edição de hoje, 23.02.2010, do jornal "A Voz da Cidade":

Recado continua

O ex-prefeito de Barra Mansa, Roosevelt Brasil, continua utilizando os microfoens da Rádio do Comércio - AM para dar o seu recado. Ontem, a partir das 9 horas, Roosevelt falou por 40 minutos e destacou várias vezes que é pré-candidato a deputado estadual pelo PMDB nas eleições de outubro.

Há poucos dias atrás, a mesma coluna já informava que semanalmente o ex-prefeito Roosevelt, sempre as segundas-feiras, ia ao programa do Peninha, para mandar beijinhos para seus prováveis eleitores e cabos eleitorais.

Além de ser uma afronta a legislação eleitoral, mais uma por sinal (depois eles choram), pelo caráter extemporâneo da clara campanha, Roosevelt só tem direito a este espaço porque a Prefeitura paga regimente a emissora, nunca menos de 10 mil reais por mês.

É clara campanha efetuada com dinheiro público. Um mero assessor de captação de recursos tem um espaço no rádio semanalmente para falar do sexo dos anjos. Barra Mansa que tem tantos problemas crônicos, inclusive na saúde e educação, deveria poder contar com entrevistas e satisfações dos responsáveis pelos órgãos a nível de Secretaria Municipal. Mas é óbvio que a prática remete a um grave crime eleitoral e uma afronta acintosa a equanimidade necessária para um pleito justo.

Atenção MP e TRE, até onde eles pensam que podem fazer o que é negado para os outros?

AUMENTOS E DESCASOS.


DIFERENÇAS.

Ontem à noite, após a aprovação da Câmara de Veredores em Volta Redonda da mensagem do Prefeito Neto concedendo aumento ao funcionalismo municipal, Neto, em sua casa, nos afiançou que não abre mão do objetivo de terminar o seu mandato cumprindo a sua promessa de que nenhum servidor público municipal, seja de que instância ou atividade for, receberá menos de R$1.000,00 de salário. Neto crê que ainda é pouco, mas diante das dificuldades financeiras do país, e dos limites estabelecidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal, é o patamar que se pode atingir.

Enquanto isso, na cidade-mãe, Barra Mansa, há um concurso público para médicos, psicólogos, dentistas, engenheiros, advogados, cujo salário oferecido é o mínimo. Mínimo nacional, pois não está sendo respeitado nem o salário mínimo estadual, nem os pisos salariais estabelecidos pelas sociedades classistas.

Essa é a diferença do planejamento e da seriedade para a demagogia e o desrespeito.

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

LOBOS NA ESPREITA


DILMARACUTAIA.


Dóceis e em silêncio após sete anos usufruindo as benesses das verbas públicas, os setores radicais do Partido dos Trabalhadores voltaram à ofensiva para tentar emplacar suas velhas e carcomidas teses. No 4º Congresso Nacional do PT, realizado esse fim de semana em Brasília, incluíram, nas diretrizes do programa de governo da pré-candidata Dilma Rousseff, medidas como a censura aos meios de comunicação, a redução da jornada de trabalho na marra e a taxação sobre grandes fortunas – sem que ninguém saiba, ao certo, o que é uma “grande fortuna”. Impresso no papel, preto no branco, nas tais diretrizes está o que dona Dilma pretende oferecer ao país. Ninguém poderá argumentar, mais tarde, que não sabia das reais intenções petistas. Está tudo lá. Espertamente, porém, a candidata-ministra cuida de amenizar em sua fala o que o papel, de bom grado, aceitou. O mistério é saber em qual lado do pêndulo a petista, uma vez eleita (Vade retro!), ficará. O documento que contém as diretrizes do PT possui nome pomposo: “A Grande Transformação”. Lembra um texto petista de quase uma década atrás chamado "A Ruptura Necessária", convenientemente varrido para debaixo do tapete. A tal ruptura nada mais era do que a pregação pela implantação de um regime socialista no Brasil. Antes, como agora, os programas preconizam um governo autoritário no qual um Estado poderoso dá todas as cartas. As tais diretrizes podem parecer bem intencionadas na aparência: quem é contra mexer na jornada para gerar mais emprego? Quem diverge de que os impostos sejam cobrados de forma mais justa? Mas, na prática, esse saco de bondades tente a resultar em efeitos opostos aos pretendidos. Por exemplo, a redução da jornada de trabalho em nada ajudaria cerca da metade da população economicamente ativa do Brasil, que simplesmente não tem emprego formal e muito menos jornada para ser reduzida. A taxação das grandes fortunas irá aumentar ainda mais nossa carga tributária, que se aproxima de 40% do PIB, sem que quem tenha menos renda passe a pagar menos. Quanto ao controle do “monopólio dos meios de comunicação”, o que se pretende é bastante claro: censurar todo órgão independente que criticar o governo. Será esse o Brasil que Dilma tem a oferecer? Convenientemente, a ministra emite sinais contraditórios. Nas dezenas de entrevistas que se dispõe a dar como nunca, em seu esforço de comunicação para ocupar espaços, busca amenizar sua histórica simpatia por políticas e regimes totalitários. Em reuniões fechadas, porém, agradece o apoio dos radicais à sua pré-candidatura e troca afagos com emissários do ditador venezuelano Hugo Chávez e dos governos de Cuba e Coréia do Norte, países onde o fuzilamento de dissidentes é prática corriqueira. É o movimento pendular, que visa preencher todos os espaços sem dizer ao certo em qual deles estará. Em outro sinal de que se enamora do estatismo sem pejo, a candidata-ministra manifestou disposição de continuar o “reaparelhamento do Estado”. Faltou apenas dizer que, no atual governo, quem se beneficiou do tal “reaparelhamento” foram apenas seus companheiros petistas, embora o lulismo costume dizer que emprega mais para melhor servir a população. A este respeito, vejamos o que a realidade nos mostra: desde 2002, a quantidade de funcionários do Palácio do Planalto cresceu 150%, mas o número de servidores da saúde só aumentou em 0,5%, como mostrou O Globo em sua edição de ontem. O movimento pendular de Dilma seria até natural em se tratando do oportunismo que sempre talhou as ações petistas – isso a cristã nova aprendeu rapidinho. O problema é o seguinte: até aqui o fiador desta ambiguidade foi Lula, bem ou mal alguém de passado e presente conhecidos. Mas e com Dilma, esta eminente incógnita: em que bases crer nela? Vale o que as retrógradas diretrizes do partido dela propõem ou vale o que é apenas dito nas entrevistas? Nem os petistas parecem saber, como fica claro neste elucidativo relato sobre uma das reuniões do congresso petista que O Estado de S.Paulo publica hoje.


Se alguém tem alguma dúvida sobre o lado para o qual pende Dilma, uma pista: um dos participantes mais aclamados no encontro do PT foi José Dirceu, “chefe da quadrilha” do mensalão e um dos coordenadores da campanha da ministra. Condenado ao ostracismo político após ter seu mandato cassado em dezembro de 2005, Dirceu foi a segunda personalidade mais aplaudida no evento. Depois de Dilma? Não. Depois do presidente Lula. Afinal, quem mandará no governo se o Brasil eleger Dilma Rousseff presidente? Quem está disposto a eleger este lobo em pele de cordeiro?

MAS UM FIM DE SEMANA PASSADO, MAIS UM CASO CONTADO.

PAPAI-DO-CÉU, MEU PEIXE.
Sexta-feira fique na terrinha e bati meu cartão no Fronteiras. Nada muito especial a não ser o desenvolvimento do projeto “VIA LAPA”. Vocês não perdem por esperar.
Sábado pela manhã no bistrô do Serratinho, Dr. Alfredo e sua esposa Cyrene nos homenagearam com um coelho a moda inglesa que estava simplesmente divino. Coisas que só Barra Mansa proporciona no meio da rua. O Governo é sofrível, mas o povo é sensacional. Junto com diversos amigos, rimos muito e colocamos as fofocas de verão em dia. De noite, parti para Penedo e ficamos hospedados no Hotel Pequena Suécia. Esse hotel já era meu preferido em Penedo há muitos anos atrás, mas resolvi conhecer outros. Perda de tempo. Não há melhor hospedagem em Penedo do que o Pequena Suécia. O charme de seu acabamento e decoração aliado a sua localização privilegiada e o atendimento ímpar são atrativos incomparáveis na Serra. Além do mais o Hotel possibilita caso seja possível, uma tolerância no check-out, barreira instransponível para outros hotéis radicais e sem sensibilidade para com o cliente. Sem contar com Jazz Village Bistrô, anexo da casa, que além de uma esmerada cozinha é palco dos maiores shows intimistas de jazz e blues do interior do estado. Sábado a noite enquanto tomava minha sauna finlandesa, poderia ver há poucos metros, a apresentação da cantora Teca Figueiredo em seu show "Rock uour soul in blues". Foi a primeira vez na minha vida que vi uma apresentação artística dentro de uma sauna. São pedaços de paraíso que só o Pequena Suécia oferece. Depois da sauna fomos conhecer a boate Sun-Bar, que abriu recentemente. Beleza de casa. Amplos e confortáveis espaços, área digna para fumantes, decoração impecável e moderna, estilo único, aclimatação perfeita, som de altíssima qualidade e ultima geração, e a apresentação do correto show do “Alerta Geral”. Muita gente jovem e bonita acabava de enfeitar o ambiente super confortável e seguro, com estacionamentos amplos e motivos cariocas como tema. Certamente é uma casa que veio para ficar e vai nos dar muitas alegrias. Fomos tratados com todo o carinho e atenção pelo Kaká Costa, e saímos muito satisfeitos. A casa tem um pequeno problema de qualificação de mão-de-obra, que é a grande dor de cabeça para muitos estabelecimentos noturnos, mas nada que comprometa o tratamento diferenciado e a otimização dos serviços disponíveis no estabelecimento, que tem como um de seus muitos predicados o conforto e higienização de seus banheiros. É realmente uma casa noturna conduzida profissionalmente por gente que é e entende dor ramo. Domingo, ao acordar, tomamos o saboroso café-da-manhã do Pequena Suécia, com música clássica de fundo musical, antes de nossos mergulhos na piscina limpíssima e banho na sauna típica. À tarde, antes de irmos embora, conferimos a especial culinária do hotel, saboreando salmões e medalhões de filé preparados com esmero e tempero inigualável. As sobremesas também são impecáveis e saborosíssimas. Realmente é para se comer orando. Depois de agradecermos a contumaz amabilidade da Helena e demais funcionários do Hotel, voltamos para Barra Mansa, e no Fronteiras, juntos com os amigos de sempre das tardes de domingo, mamamos mais uma garrafinha de whisky e assistimos o peladão da final da taça Guanabara. Antes de ir embora preparei para levar para casa, um combinado turbinado japonês para fechar o final de semana com chave de ouro e com paladar mais do que apurado.
É verdade, o Julinho tá muito "marrento".
Fazer o quê, se o Homem lá de cima vai com a minha cara?
Detalhe charmoso do Pequena Suécia. São muitos.
Jazz Village Bistrô. Tudibom.

Pequena Suécia. Chique. Simplesmente.

Choque chique.

Nossas suítes em baixo na natureza.

Parte da área de lazer ho Melhor Hotel de Penedo.

Sun-bar. Área VIP.

Um dos cliques bem transados do Sun-Bar.

Palco do Sun-Bar. Show.


sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

ENQUETE SHOW.


QUEM É O CARA?

Como um de nossos objetivos é lutar pela arte, lazer, cultura e entretenimento na região, nada mais apropriado para perguntar aos nossos visitantes e articulistas:

QUAL É O MELHOR SHOW MUSICAL DO SUL FLUMINENSE?

E como temos grandes talentos espalhados por aqui,
VOCÊ PODE VOTAR EM QUANTAS OPÇÕES QUISER.

E as opções nessa nossa primeira enquete sobre o tema são:

ALERTA GERAL
CASABLANCA
DITO E FEITO
FIGURÓTICO E BANDA
GRAVIZERO
GUERRA E SUA BANDA
JORGE GUILHERME E BANDA
JULINHO MARASSI E GUTEMBERG
MADAME ZERO
THE BROTHERS
TONY MADEIRA E BANDA

Escolha, participe, convoque os fãs amigos, é o incentivo aos nossos músicos, a alegria, a arte, a festa e a vida que estão em jogo.

Bom show.

NÓS MERECEMOS. SEJA FELIZ. É ORDEM DIVINA.


AMIGO SORRIDENTE.

Eu acreditava quando ouvia dizer que uma amizade de muitos anos estava consolidada e não ofereceria riscos. Vejo que me enganei. Sei que não sou perfeito e também não sou justo em todas as atitudes, mas amizade não sobrevive sob mentiras, pelo menos as verdadeiras. Também não sou bobo nem iludido, mas acreditava que algumas pessoas tinham a gente numa conta especial, de uma forma mais ou menos recíproca como a conta em nosso coração.
Assim como as decepções amorosas as decepções de amizade também deixam marcas profundas, pois a amizade também é um amor, um amor sem sexualidade e talvez por isso, até mais sincero e entregue.
Essa semana um pequeno castelo no meu reino interior desabou de uma só vez. Uma pequena ruína escondida entre os aparentes alicerces firmes do castelo pôs por terra uma suposta fortaleza.
O legal disso tudo é que a gente percebe que os anos de vida nos doaram tantos valores que essas perdas, por mais que significativas e traumáticas, não abalam a nossa estabilidade e o resultado de nossas obras e da nossa vivência.
Agradeço a Deus por ter me feito uma pessoa sensível quando me permito sê-lo e ao mesmo tempo fria, quando preciso sê-lo.
Essa é a prova maior que a grande amizade que precisamos nutrir todos os dias é com o Criador, seja na forma ou na expressão nominal que cada um tenha em seu livre arbítrio.


Acabou o carnaval, amigos, é hora, mais do que tardia, de arregaçarmos as mangas e construirmos o nosso 2010, e espero que você tenha forças e teimosia suficiente para não deixar os seus sonhos e suas metas esmorecerem nos percalços naturais da vida.
O Universo te conclama a construir um mudo melhor e esse convite você não pode recusar. É a força cósmica te convocando para a seleção das pessoas divinas que ajudam a fazer do amanhã algo que valha muito a pena viver.
Tenha um bom ano, uma boa luta, uma luta justa, e que suas decepções sejam assimiladas com galhardia e que sirvam para te tornar um ser mais pleno, mais forte, mais consciente e mais dedicado aos seus propósitos mais puros e auspiciosos.
Um grande abraço, e obrigado por compartilhar comigo as emoções de minha vida, esperando poder retribuí-lo sempre que possível, dedicando a minha sinceridade, mesmo que combatida, aos que prestigiam nosso pequeno e modesto espaço de discussão.
Um bom final de semana, com muita paz no coração, e muito amor na cama.
Nós merecemos. Deus definiu assim. Para que contraria-Lo?
Cristo veio nos sorrir, ofertemos nosso braços para Ele.

MANOBRA, MACONHA E MADONNA.


PRA VOCES TAMBÉM.

Esse ano a eleição para o Governo do Estado do Rio promete.

Paixões incandescentes e interesses velados vão falar alto e temos que ter cuidado para não sermos envolvidos e inebriados com as promessas e debates.

Rodrigo Drable, caro amigo e fiel escudeiro de Garotinho, já comemora uma possível retaliação de Sérgio Cabaral à Lula pelo fato de Lula ter optado por Dilma apoiar Garotinho. Menos Rodrigo, contenha sua torcida, pois não é bem assim.

Gabeira pensa que vai desmistificar sua imagem liberal pelo fato de seus antagonistas já terem efetuado deppoimentos similares ao seus. Menos Gabeira, estigma quando cola não é debate que apaga.

Sérgio Cabral acha que Madonna o deixou mais perto do povo. Menos Governador, não creio que o carioca ficou satisfeito em bancar a festa VIP nababesca que voce deu para a popstar e alguns privilegiados deputados com o imposto suado gerado pelo nosso trabalho.

Governador, outubro vem aí, e se po acaso voce vier me pedir voto, eu vou lhe recomendar que peça para a Madonna. A minha resposta tá prontinha. Aprendi com a sua amiga na foto acima.

ESSA EU COLEI...



ESTARÍAMOS NOVAMENTE SENDO INDUZIDOS?

Com a liberdade que a gente tem com o pessoal do Estação BM, blog bacana tupiniquiim que virou leitura obrigatória, colei, sem autorização prévia, uma charge postada pela adminsitração do blog, que me deixou reflexivo. Será que esse caso do mensalão do Arruda teria a mesma proporção e penalização se fosse encabeçado pelo pessoal do PT?

Vejam a charge de Renato e tirem as suas conclusões.

Deixo bem claro que nem de longe pretendo fazer qualquer defesa ao Arruda, somente imagino se não estariamos usando pesos e medidas diferentes.
Para entrar na discussão visite o blog estacaobm.blogspot.com.
A postagem tem o título "O país da incoerência e da ética de ocasião".
Muito intrigante.